Portal de Conferências da IMED, I Seminário Acadêmico de Odontologia

Tamanho da fonte: 
AUTOPERCEPÇÃO DE SAÚDE E A BUSCA PELO ATENDIMENTO ODONTOLÓGICO NA REDE DE ATENÇÃO BÁSICA EM PASSO FUNDO / RS
Luiza PS Girotto, Luiza Von Meusel, Graziela O Cericato

Última alteração: 2019-12-05

Resumo


Quando se fala em sistema de saúde, considera-se a AtençãoBásica em Saúde (ABS) como uma porta de entrada1. O fortalecimento da ABS por meio da Estratégia de Saúde da Família (ESF), vem auxiliando no controle da falta de equidade no acesso aos Serviços de Saúde2, bem como na saúde da população em geral. Embora a autopercepção da saúde seja um fator determinante do uso dos serviços de saúde,poucos foram os estudos que a avaliaram na população usuária destes serviços3.Objetivos:Investigara autopercepção de saúde e a busca por atendimento odontológico na rede deAtenção Básicaem um município do sul do Brasil.Materiais e Métodos:O delineamento do estudo foi transversal de base populacional, realizado na cidade dePasso Fundo/RS.A amostra foi composta por 465 indivíduos randomizados sistematicamente de cada um dos 22 setores censitários do município,os quaisresponderam aquestionáriossobre as condições gerais do paciente,autopercepção de saúde geral e busca por atendimento odontológico. A autopercepção foi investigada pela pergunta “Como o(a) senhor(a) considera sua saúde?”, enquanto a busca pelo atendimento foi investigada pelas perguntas “O(a)Sr(a). já consultou com dentista alguma vez na vida?” e “Qual o último local que o(a)Sr(a)buscou para o atendimento com dentista?”. Após a coleta de dados, a análise estatística foi realizada no programa Jamovi, sendo essa análise estatística descritiva.Resultados:Em relação a autopercepçãode saúde os entrevistados relataram teruma percepção de saúde boa (50%) e muito boa (24%), sendo que 76% já realizaram consulta odontológica. Inclusive, a maioria relatou que a consulta odontológica foi nos últimos 6 meses (47%). O local de maior busca por atendimento odontológico foi consultório/clínicas particulares (66%), seguido das redes de Atenção Básica(19%) como postos de saúde e UBS.Conclusões:Conclui-se que a autopercepção desaúde dos indivíduos que buscam a rede de AtençãoBásicaem Saúdeé positiva,com relato de percepção variando principalmente entre “boa” e “muito boa".

Palavras-chave


Autopercepção. Atendimento Odontológico. Atenção Primária em Saúde .

Texto completo: PDF