Portal de Conferências da IMED, X Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e IX Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação da IMED 2016

Tamanho da fonte: 
ATUAÇÃO DO PSICÓLOGO NA ESCOLA: REFLEXÃO TEÓRICO PRÁTICA
Jéssica Reusch da Cruz, André Luiz Bergamin, Naiana Dapieve Patias

Última alteração: 2016-07-15

Resumo


A psicologia escolar é uma área de atuação da profissão do psicólogo que tem o propósito de constituir ações que auxiliem a aprendizagem e o desenvolvimento da escola. Este trabalho, tem por objetivo refletir sobre o papel do psicólogo escolar através da teoria publicada nacionalmente e o estágio básico na área. Através disso, percebe-se que a atuação desse profissional por meio de estratégias de intervenção para conscientização de papéis, funções e responsabilidades de cada agente do processo escolar ainda encontra-se em definição, principalmente para a escola (gestores, alunos, professores e pais). Embora deva pautar sempre na prevenção e promoção de saúde do contexto escolar a fim de atingir o objetivo de aprendizagem, na prática, há muito o que ser feito. Consequentemente, investigar o papel do psicólogo nas escolas auxilia a conscientização em relação ao seu trabalho, havendo uma ressignificação da atuação profissional de uma prática individualista para uma prática mais coletiva, considerando o contexto escolar como um todo.


Referências


PATIAS, N. D.; GABRIEL, M. R. Psicologia escolar/educacional no brasil: como era e como é ou deve ser. Psicologia.pt, p. 1 – 13, 2011. Disponível em: <http://www.psicologia.pt/artigos/textos/A0616.pdf>. Acesso em: 10 mar.2016.

MARTINEZ, A. M. O que pode fazer o psicólogo na escola?. Em Aberto, Brasília, v.23, n.83, p. 39 – 56, mar. 2010. Disponível em: <http://leticiawfrancomartins.pbworks.com/w/file/fetch/98938496/Texto%201.pdf>. Acesso em: 15 mar.2016.

 


Texto completo: PDF