Portal de Conferências da IMED, X Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e IX Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação da IMED 2016

Tamanho da fonte: 
PSICOEDUCAÇÃO EM PACIENTES COM TRANSTORNO DEPRESSIVO
Daiane Garcia Savi, Marcia Fortes Wagner

Última alteração: 2016-07-26

Resumo


Psicoeducação é uma técnica utilizada na abordagem cognitiva, na qual o profissional estimula o paciente a desenvolver maior conhecimento de seu transtorno e do processo psicoterápico. O presente trabalho tem como objetivo fazer uma revisão bibliográfica a fim de verificar a importância da psicoeducação em pessoas com depressão, bem como sua eficácia no tratamento. Foi feita a busca nas bases de dados Scielo e Google Acadêmico. A literatura refere que a Psicoeducação, além de gerar conhecimentos ao paciente, também gera prevenção em portadores de depressão, e pode ser multifuncional, abordando temas que colaboram para a reestruturação cognitiva (Malloy, 2016). Para Pereira e Sampaio (2011), transmitir conhecimento sobre a doença mental ou neuropsiquiátrica e melhorar as competências para lidar com ela é essencial no tratamento, enfocando a explicação dos sintomas e diagnóstico, etiologia, tratamentos farmacológicos e psicossociais, entre outros. Matos e Oliveira (2013) e Paloski e Christ (2014) afirmam que o papel do terapeuta na educação do transtorno aparece durante toda a terapia, uma vez que o paciente se familiariza com novos conhecimentos sobre seu diagnóstico, suas implicações, consequências e sobre o modelo de tratamento ao qual está sendo submetido; sendo assim, o paciente saberá que reações esperar e que essas são decorrentes do seu transtorno. Portanto, para Santana (2011), a psicoeducação é importante tanto para o paciente como para sua família, ocorrendo uma maior adesão ao tratamento, melhoria da capacidade em lidar e conviver com o transtorno, bem como as diminuições de recaída, propiciando aumento do bem estar e qualidade de vida no convívio familiar.

Palavras-chave


Palavras chave: Psicoeducação, Transtorno, Depressão.