Portal de Conferências da IMED, XIV Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e XIII Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação IMED 2020

Tamanho da fonte: 
Consequências do Assédio Moral no Trabalho: Uma Revisão Narrativa da Literatura Brasileira
Gisele Moraes da Rosa, Júlia Gonçalves

Última alteração: 2020-10-27

Palavras-chave


Pôster Eletrônico

Referências


Antunes, J. (2017). Assédio moral no trabalho: Revendo a evidência. Psicologia, Saúde & Doenças18(3), 669-680. doi: 10.15309/17psd180304

Barreto, M. M. S. (2003). Violência, saúde e trabalho: uma jornada de humilhações. São Paulo: EDUC.

Barreto, M., & Heloani, R. (2014). O assédio moral como instrumento de gerenciamento. In: Merlo, Á. RC, Bottega, CG, & Perez, KV (Eds.), Atenção à saúde mental do trabalhador: sofrimento e transtornos psíquicos relacionados ao trabalho, (pp 52-74). Porto Alegre, RS: Editora Evangraf.

Barros, R.C.L.G., Rodolfo Filho, P., & Wyzykowski, A. (2014). Assédio moral laboral e direitos fundamentais. Revista LTr, 2(2), 157-177. Recuperado de: http://www.ltr.com.br/loja/folheie/5470.pdf

Battistelli, B. M., Amazarray, M. R., & Koller, S. H. (2011). O assédio moral no trabalho na visão de operadores do direito. Psicologia & Sociedade, 23(1), 35-45.

Brito, I. O. D. (2010). Assédio moral: consequências na saúde física e psicológica do servidor da UnB. Universidade de Brasília, Brasília. Recuperado de: https://www.bdm.unb.br/handle/10483/1312

Costa, A. C. R. (2010). O ressarcimento dos danos decorrentes do assédio moral ao abrigo dos regimes das contingências profissionais. Questões laborais, 35(17) 103-158. Coimbra Editora.

Ferreira, J. B (2008). Violência e assédio moral no trabalho. patologias da solidão e silêncio. In. L. A. P. Soboll (Ed). Violência psicológica e assédio moral no trabalho: pesquisas brasileiras (pp.104-134). São Paulo, SP: Casa do psicólogo.

Glina, D. M. R., & Soboll, L. A. (2012). Intervenções em assédio moral no trabalho: uma revisão da literatura. Revista brasileira saúde ocupacional, 37 (126), 269-283. doi:10.1590/S0303-76572012000200008.

Gonçalves, J., Schweitzer, L., & Tolfo, S. R. (2020). Assédio Moral no Trabalho: uma Revisão de Publicações Brasileiras. Gerais: Revista Interinstitucional de Psicologia, 13(1) 1-18. doi: 10.36298/gerais2020130105.

Hirigoyen, M. F. (2008). Assédio moral: a violência perversa no cotidiano. Bertrand Brasil.

Lessa, H D. L. S. D. (2019). Assédio moral dos discentes da escola de administração da universidade federal da Bahia no seu ambiente de trabalho. Revista Formadores, Vivências e Estudos, 12(8), 24-53.

Leymann, H. (1996). Mobbing: la persécution au travail. Paris: Seuil.

Nunes, T.S., & Tolfo, S. (2012). Assédio Moral no Trabalho: Consequências Identificadas por Servidores Docentes e Técnico-Administrativos em uma Universidade Federal Brasileira. Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, 5(3), 264-286. doi: 10.5007/1983-4535.2012v5n3p264

Oleto, A. F., Palhares, J.V., & Paiva, K.C.M. (2019). Assédio Moral no Ambiente de Trabalho: Um Estudo sobre Jovens Trabalhadores Brasileiros. Revista Interdisciplinar de Gestão Social, 8(2), 141-162. doi: 10.9771/23172428rigs.v8i2.29521

Padilha, A., Pichler, N., & Fagundes, P. (2011). Novos tempos, novos desafios, causas e consequências do assédio moral nas organizações contemporâneas. Ética, negócios & pessoas. Jaguarão, RS: Editora Unipampa.

Soares, A., & Oliveira, J.A. (2012). Assédio Moral no Trabalho. Revista Brasileira Saúde Ocupacional, 37(126), 195-202. doi: 10.1590/S0303-76572012000200002.

Sossela, M. L., & Neves, E.B. (2011). As consequências do assédio moral para trabalhadores, organização e governo. Revista Uniandrade, 12(1), 17-30. Recuperado de: https://www.uniandrade.br/revistauniandrade/index.php/revistauniandrade/article/view/15/16

Stephan, F., Gonçalves, A. S., Cunha, G. F. P., Silveira, I. C. M., Miranda, M.B., Carolino, T. S., Oliveira, T. D., Lima, V. D., & Lourenço, L. M. (2018). Assédio moral/mobbing e saúde mental: revisão sistemática de literatura. Gerais: Revista Interinstitucional de Psicologia, 11(2), 236-257. doi: 10.36298/gerais2019110205

Valadão Júnior, V. M. V., & Mendonça, J.M. B. (2015). Assédio moral no trabalho: dilacerando oportunidades. Cad. EBAPE.BR [online], 13(1), 19-39. doi:  10.1590/1679-39519022.

Zanetti, R. (2008). Os custos do assédio moral. Domtotal, 1(1), 1-3. Recuperado de: https://domtotal.com/direito//pagina/detalhe/23778/os-custos-do-assedio-moral-i/print