Portal de Conferências da IMED, XI Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e X Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação IMED 2017

Tamanho da fonte: 
A CRIMINOLOGIA E AS REAÇÕES SOCIAS VINDAS DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO
Jaíne de Cássia Nunes Vieira, Felipe da Veiga Dias

Última alteração: 2017-06-29

Resumo


Neste artigo, o objetivo é analisar a evolução da criminologia, vendo sua busca incessante por respostas, dando destaque em seu relacionamento com o sistema penal e a mídia. Também busca-se, examinar o que o etiquetamento, vindo do meio social informal, originado na mídia, pode trazer ao possuir um poder de incentivar pensamentos e estereotipar indivíduos, considerados desviantes. Portanto, este estudo aponta fatores como a economia e o poder (midiático) influenciam no sistema penal, podendo com isso gerar efeitos danos no sentido de garantir um sistema penal que produza o menor volume de danos possíveis (redução de danos). Para tanto utiliza-se como metodologia do estudo, o método dedutivo, partindo de considerações gerais ao ponto específico, bem como adiciona-se ainda o método  de procedimento monográfico e a técnica de pesquisa da documentação indireta com ênfase bibliográfica.

Palavras-chave


Criminologia. Sistema Penal. Mídia. Estereótipo.

Texto completo: PDF