Portal de Conferências da IMED, XI Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e X Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação IMED 2017

Tamanho da fonte: 
Proposta de implantação de estação de monitoramento da qualidade do ar em Caraguatatuba – SP
Thainã Drovetto Rezina, Solange Maria Franco de Vasconcelos

Última alteração: 2017-07-26

Resumo


O presente projeto tem por objetivo obter dados científicos, quantitativos e qualitativos e analisar a necessidade da implantação de uma estação de monitoramento da qualidade do ar em Caraguatatuba, através da medição visual da poluição atmosférica, em locais estratégicos, de modo a prevenir que a alteração da dinâmica local possa interferir nas belezas naturais e na qualidade de vida da população. A cidade de Caraguatatuba vem sofrendo nos últimos anos um crescimento populacional e consequentemente, da frota veicular, de passeio e de carga, devido aos grandes empreendimentos implantados no litoral norte do estado de São Paulo como a duplicação da rodovia dos Tamoios, ampliação do porto de São Sebastião, instalação da Unidade de Tratamento de Gás Monteiro Lobato e, atualmente a obra de duplicação da serra do mar. Por se tratar de uma região que concentra riquezas naturais inestimáveis de fauna e de flora, com vertente turística, surge a preocupação com a quantidade de gases e poluentes lançados diariamente na atmosfera, que poderia ser adequadamente avaliada com a implantação de uma estação de monitoramento da qualidade do ar.


Palavras-chave


Poluição atmosférica. Monitoramento ambiental. Frota veicular. Litoral Norte de São Paulo.