Portal de Conferências da IMED, XII Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e XI Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação IMED 2018

Tamanho da fonte: 
Pré-natal psicológico na gestação de alto risco: relato de experiência com grupos
Carine Tabaczinski, Kélin Aparecida Da Silva, Israel kujawa

Última alteração: 2018-09-03

Resumo


Atualmente, as políticas públicas de saúde preconizam cada vez mais o atendimento humanizado, e no caso da assistência pré-natal, há atenção específica à gestante, ao recém-nascido e à puérpera. O Pré-natal psicológico complementa o pré- natal biomédico e visa promover intervenções psicoeducativas, momentos de escuta e troca de experiências. Trata-se de um relato de experiência de estágio profissionalizante em psicologia, realizado em um hospital geral no interior rio-grandense, que propôs uma intervenção psicológica as gestantes de alto risco que frequentaram o ambulatório da instituição. Os encontros ocorreram semanalmente, durante seis meses, no período da manhã, antes da consulta com o obstetra e contou com a colaboração pontual de outros profissionais da saúde. No decorrer dos encontros, constatou-se que a participação das gestantes no grupo proporcionou alívio aos sentimentos exacerbados, bem como observou-se indícios de desenvolvimento de uma conduta adaptativa frente às vivências subjetivas desencadeadas pelo contexto de gestação de alto risco

Palavras-chave


gravidez, assistência pré-natal, psicoterapia de grupo, intervenção psicológica

Texto completo: PDF