Portal de Conferências da IMED, XII Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e XI Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação IMED 2018

Tamanho da fonte: 
O DIREITO À LIBERDADE DE EXPRESSÃO E A CULTURA PARTICIPATIVA NAS MÍDIAS DIGITAIS PARA O DESENVOLVIMENTO HUMANO
Jordana Siteneski do Amaral, Salete Oro Boff

Última alteração: 2018-09-03

Resumo


Esta pesquisa busca verificar se o direito humano à liberdade de expressão contempla a cultura participativa nas mídias digitais, contribuindo para o desenvolvimento humano. A metodologia utilizada compreende técnicas bibliográficas e de abordagem hipotético-dedutitvo. A hipótese corroborada foi a de que o direito humano à liberdade de expressão compreende as manifestações da cultura participava, a partir de uma compreensão que contempla a atividade do sujeito de participar ativamente na construção e ressignificação do caldo cultural que une as sociedades. Ainda, observou-se que a liberdade de expressão é essencial ao desenvolvimento humano, partindo de uma concepção em que o desenvolvimento é alcançado pelo alargamento das capacidades e das liberdades humanas.


Palavras-chave


Direitos Humanos. Desenvolvimento. Liberdade de expressão. Cultura Participativa.

Referências


AMARAL, Jordana Siteneski do; BOFF, Salete Oro. Uma obra e vários autores: o direito autoral e as “fan-fictionals” na cultura da convergência. In: Scientia Iuris, Londrina, v. 22, n. 1, p.162-189, mar. 2018. Disponível em: <http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/iuris/article/view/29964> Acesso em 03 junho de 2018

 

UNESCO. Keystones to foster inclusive Knowledge Societies: Access to information and knowledge, Freedom of Expression, Privacy, and Ethics on a Global Internet. Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura: Paris, 2015.

 

GRUBBA, Leilane Serratine. Direitos humanos e desenvolvimento humano: o sistema global das Nações Unidas. Curitiba: Editora Prismas, 2017.

 

JENKINS, Henry. Cultura da Convergência. 2. ed. São Paulo: Aleph, 2009.

 

LEMOS, André. Ciber-Cultura-Remix. São Paulo: 2005. Disponível em:< https://www.facom.ufba.br/ciberpesquisa/andrelemos/remix.pdf> Acesso em 27 de janeiro de 2018.

 

LEMOS, André. Cibercultura: alguns pontos para compreender a nossa época. In: Lemos, André; Cunha, Paulo (orgs). Olhares sobre a Cibercultura. Sulina, Porto Alegre, 2003.

 

LEMOS, André. Arte Eletrônica e Cibercultura. Revista FAMECOS, nº6, Porto Alegre:  junho 1997. Disponível em:< http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistafamecos/article/view/2960/2243> Acesso em 27 de janeiro de 2018.

 

LESSIG, Lawrence. Cultura Livre: como a mídia usa a tecnologia e a lei para barrar a criação cultural e controlar a criatividade. Trad. Fábio Emílio Costa. 2004.

 

LESSIG, Lawrence. Remix. 2008.

 

MONCAU, Luiz Fernando Marrey. Liberdade de Expressão e Direitos Autorais. Rio de Janeiro: Elsevier, 2015.

 

O GLOBO. Ex-baterista de James Brown, um dos mais sampleados do mundo, busca reconhecimento. Disponível em <https://oglobo.globo.com/cultura/ex-baterista-de-james-brown-um-dos-mais-sampleados-do-mundo-busca-reconhecimento-2804230> Acesso em 26 de janeiro de 2018.

 

PUDDEPHATT, Andrew. Liberdade de expressão e internet. In: Cuadernos de Discusión de Comunicación e Información. Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, e o Escritório Regional de Ciências da UNESCO para América Latina e Caribe, Escritório da UNESCO em Montevidéu, Uruguai, 2016.

 

ROSS, Alex Robert. NOISEY. RIP Clyde Stubblefield, o baterista mais sampleado da história do hip-hop. Revista Noisey. Disponível em: <https://noisey.vice.com/pt_br/article/8qkqyg/rip-clyde-stubblefield> Acesso em 26 de janeiro de 2018.

 

SEN, Amartya. Desenvolvimento como liberdade. Tradução: Laura Teixeira Motta. São Paulo: Companhia das letras, 2010.

 

CAMARGO, Isadora; ESTEVANIM, Mayanna; SILVEIRA, Stefanie C. da. Cultura participativa e convergente: o cenário que favorece o nascimento dos influenciadores digitais. In: Revista Comunicare, Revista semestral do Centro Interdisciplinar de Pesquisa da Faculdade Cásper Líbero, Volume 17. São Paulo, 2017.

 

D’AGOSTINO, Giuseppina. Healing Fair Dealing? A Comparative Copyright Analysis of Canada’s Fair Dealing to U.K. Fair Dealing and U.S. Fair Use. 2008. Disponível em:< http://lawjournal.mcgill.ca/userfiles/other/7046615-dAgostino.pdf> Acesso em 14 de junho de 2018.


Texto completo: PDF