Portal de Conferências da IMED, XII Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e XI Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação IMED 2018

Tamanho da fonte: 
PRODUÇÃO DE ARGAMASSAS COM SUBSTITUIÇÃO DO AGREGADO MIÚDO POR RESÍDUO DE VIDRO
Guilherme Miguel Amantino, Francieli Tiecher Bonsembiante

Última alteração: 2018-09-03

Resumo


Sendo o conceito de sustentabilidade e reuso cada vez mais presente e necessário nas obras, busca-se novas tecnologias e materiais para suprir essa demanda de forma sustentável. Como alternativa, estudos sugerem a incorporação de resíduo de vidro em substituição aos agregados naturais. Desta forma, este estudo analisou a substituição de agregado miúdo para argamassas de assentamento, verificando suas propriedades em estado fresco e endurecido. Através das análises feitas concluiu-se que houve aumento de resistência à compressão no traço com resíduo de vidro, redução da resistência à tração aos 90 dias e uma argamassa menos permeável, concluindo ser uma substituição tecnicamente viável, fazendo-se necessário maior atenção e estudos para utilização em grandes escalas.


Palavras-chave


Argamassas de assentamento; resíduo de vidro; propriedades mecânicas.

Texto completo: PDF