Portal de Conferências da IMED, IX Mostra de Iniciação Científica e Extensão Comunitária e VIII Mostra de Pesquisa de Pós-Graduação da IMED 2015

Tamanho da fonte: 
Incidência de paracoccidioidomicose na região centro-norte do Rio Grande do Sul
Gisele Oro Boff, Milene Maffini Maffini, Debora Mario

Última alteração: 2015-10-30

Resumo


Incidência de paracoccidioidomicose na região centro-norte do Rio Grande do Sul

 

INTRODUÇÃO: A paracoccidioidomicose (Pbmicose) é uma doença sistêmica causada pelo fungo dimórfico Paracoccidioides spp., o qual é encontrado nas regiões tropicais e subtropicais da América Latina, sendo sua via de infecção mais aceita a inalatória. É a oitava causa de morte no Brasil considerando as doenças infecciosas e parasitárias predominantemente crônicas. Passo Fundo - cidade localizada no centro-norte do estado do Rio Grande do Sul -, em função de ter suas bases econômicas centradas na agricultura, pecuária e construção civil, é uma área suscetível ao abrigo deste agente por ser de maior prevalência em trabalhadores rurais e operários de construções civis. Desta forma, este estudo faz parte de um projeto que objetiva avaliar a presença de casos de Pbmicose na mesorregião apontada.

METODOLOGIA: O levantamento dos dados epidemiológicos de diagnósticos de paracoccidioidomicose será realizado no Instituto de Patologia de Passo Fundo, Passo Fundo, RS.

CONSIDERAÇÕES FINAIS: As complicações da paracoccidioidomicose implicam em elevados custos sociais e econômicos, além de caracterizar a doença como de alta relevância em saúde pública, justificando a necessidade de estabelecer diagnóstico tão precoce quanto possível.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Shikanai-Yasuda MA, Telles Filho Fde Q, Mendes RP, Colombo AL, Moretti ML. Guidelines in paracoccidioidomycosis. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical 39:297-310, 2006.

Coutinho ZF, Silva D, Lazera M, Petri V, Oliveira RM, Sabroza PC, Wanke B. Paracoccidioidomycosis mortality in Brazil (1980-1995). Cadernos de Saúde Pública (Rio de Janeiro) 18:1441-1454, 2002.


Palavras-chave


paracoccidioidomicose; pb micose; fungo; Paracoccidioides; infecção inalatória

Texto completo: PDF