Portal de Conferências da IMED, I Fórum de Inovação Acadêmica IMED

Tamanho da fonte: 
AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM DE DESIGN PARAMÉTRICO COM O USO DE PjBL
Andrea Mussi, Paola Zardo, Juliano Silva

Prédio: IMED - Bloco B
Sala: Sala 312
Data: 2017-11-10 03:00  – 04:00
Última alteração: 2017-11-06

Resumo


RELATO DE EXPERIÊNCIA: A disciplina de Fabricação Digital e Prototipagem Rápida, ministrada no quarto semestre do curso de Arquitetura e Urbanismo da IMED baseia-se na aplicação de PjBL (Project-Based Learning) para capacitar os alunos para o desenvolvimento de formas complexas a partir de ferramentas computacionais de design paramétrico. O objetivo da experiência foi fazer uma avaliação da efetividade da aplicação da metodologia na absorção dos conhecimentos referentes ao uso das ferramentas introduzidas em aula, que posteriormente serão utilizadas para o desenvolvimento de projetos de mobiliário infantil urbano. O método utilizado envolveu elementos de gamificação por meio do uso da ferramenta e aplicativo Socrative, permitindo a elaboração de questionário acerca de funcionalidades das ferramentas de design paramétrico Dynamo e Grasshopper e a análise da aprendizagem, categorizando as questões, conforme níveis de aprendizado da taxonomia de Bloom. Os principais resultados apontam para dificuldades de compreensão em aspectos específicos, como funcionamento de comandos e lógica de programação, visto que o processo de projeto nestas ferramentas difere do que os alunos desenvolveram anteriormente no curso. Contudo, verifica-se que fundamentos básicos das ferramentas apresentadas foram compreendidos, porém exigindo um elevado envolvimento e proatividade do aluno em relação à prática e execução de exercícios e tutoriais disponibilizados. Conclui-se que, embora esse contexto de atuação seja um campo de inovação na arquitetura e urbanismo, ainda não há um método determinado que garanta a criação autônoma de projetos por meio do design paramétrico. Porém, o PjBL é uma alternativa a ser considerada para a crescente compreensão e desenvolvimento do pensamento computacional, por ter enfoque em atividades práticas realizadas em grupo, que visam o desenvolvimento de um projeto resultando num produto ao final do semestre.