Portal de Conferências da IMED, I Fórum de Inovação Acadêmica IMED

Tamanho da fonte: 
LINGUA BRASILEIRA DE SINAIS: DIREITOS HUMANOS FRENTE AO ESTRANHAMENTO DO DIFERENTE E O RECONHECIMENTO DOS IGUAIS.
Claudia Helena Paim Furlanetto

Prédio: IMED - Bloco B
Sala: Sala 312
Data: 2017-11-10 03:00  – 04:00
Última alteração: 2017-11-06

Resumo


Trata-se de um relato de experiência, cujo objetivo é descrever a experiência das aulas da disciplina de Libras – Língua Brasileira de Sinais com ênfase em Direitos Humanos da Faculdade IMED. O acréscimo da pauta dos Direitos Humanos, na disciplina, permite a ampliação do conhecimento das condições inerentes do ser humano a partir de uma ótica da diversidade e direitos, e não mais de deficiência/carência/doença, para todos os cursos da Instituição. A metodologia ativa, voltada para a participação valoriza os conhecimentos e experiências dos alunos e alunas, envolvendo-os na discussão, identificação e busca de soluções para problemas emergentes e, desta forma, a turma é desafiada a elaborar um projeto de ação efetiva que demonstre, no final do semestre, o aprendizado da língua e o envolvimento social para além da sala de aula, ou seja, ações que possam contribuir com divulgação da Libras e sua importância na vida dos Surdos. Outro fator fundamental é a aproximação com as diversas condições físicas e sensoriais, vivencias referentes à diversidade através da presença de lideranças dos movimentos das PcDs nas aulas e na condução/construção do debate/reflexão sobre cada segmento. Visita às entidades e participação em seminários que tratam do tema são espaços de aprendizados, trocas e interações. Os resultados evidenciaram que a disciplina, mesmo que eletiva, cumpre com o objetivo proposto de, além do conhecimento básico da Libras, abordar todo o contexto histórico que envolve a Comunidade Surda. Palestras e ensino básico das Libras para o Corpo de Bombeiros nos primeiros socorros, GIFs em Sinais Jurídicos para atendimento no NUJUR, ensino de sinais básicos a alunos da rede pública e a apresentação dos cursos da instituição em Libras são algumas das respostas ao trabalho desenvolvido no decorrer do semestre, desta forma, os alunos e alunas demostram a compreensão clara da necessidade de empatia, conhecimento das diversas condições humanas e o reconhecimento de seus direitos.